30 junho 2015

Redes Sociais: 5 Coisas que Irritam no Snapchat

O Snapchat é o novo app do momento. É bem melhor de monitorar a privacidade, uma vez que posta tem um tempo de visualização. Ótimo para acompanhar a vida dos famosos e de quem a gente gosta mais de pertinho, além de ser mais dinâmico para compartilhar com os amigos o dia-a-dia. Mas como é moda, que muitas vezes as pessoas acabam repetindo as mesmas manias, como se fossem um padrão, pensando nisso o CP separou coisas irritantes.


1. Pessoas Comendo Gordices

No Instagram e no Facebook, seus ídolos são magros, cheio de selfies na academia, pegando no pesado, comendo salada e comidinhas fit. Se ver todo mundo se alimentando bem já era irritante, imagina ver sua ídola sarada comendo porcaria o dia todo.

Obs.: Adoro Camila Coutinho que sempre recebe chocolates e sempre reclama da tentação... rsrsrsrs... me sinto melhor que ela é linda e faz dieta.

2. Overdose de Cachorros

Meu Deus, irrita vocês também? Sabe aquela pessoa super legal, mas que passa o dia inteiro gravando vídeo só do cachorro, que por mais que seja fofo, perde a graça depois dos 50s. Para completar o mico ainda tem as voizinhas, que todo mundo faz com criança e bicho, mas acaba sendo irritante depois de um tempo.

Obs.: Óbvio, que cada um só segue quem quer. Os que me irritaram muito eu deixei de seguir, ou simplesmente passo. Devemos entender, não somos obrigadas a ver nada.

3. Snaps e Direção

Gente, não se fala no celular enquanto se dirige, imagina fazer snaps, que é necessário ficar segurando no botão sem poder soltar. Perigo! Qualquer dia, penso que vou ver um acidente acontecer ao vivo, porque as pessoas gravam e postam, sem fazer nenhum filtro.

Obs.: Muita gente faz no carona ou no carro parado, ai ok!

4.Mil Músicas Por Dia

Gente que se filma cantando dia inteiro, mesmo as cantoras, é chato. Bem, para mim é, porque não fica bom na sequência: a gente nem vê o dia-a-dia e nem escuta a música direito. E as dublagens? Tem gente que passa o dia todo dublando músicas, as vezes é legal engraçado, porém, pouco disso, não muito do mesmo.

Obs.: Gosto das dublagens de Thássia Naves e da Fabi Justos com a irmã.

5. Conversas Filosóficas

Usar o Snap para falar rapidinho sobre algum assunto legal, ou responder uma perguntinha sobre algo legal que aconteceu é ótimo e acho que todo mundo gosta. Seja para você fazer com os amigos ou ver dos famosos. Porém passar 1000 segundos conversando sobre os problemas da vida, tudo pausado de 10 em 10 segundos é #chato. 

Obs.: Melhor ver um vlog no Youtube, que é mais objetivo e editado, ou em outras mídias como o Viber e o Periscope.


E vocês tem Snap? O que mais irrita?

O meu é: cheiadepapo.

Diz para mim.

Xerim!

28 junho 2015

Beleza: 1 Transformação.

O Salão Belarus junto a Rádio 95FM fez uma super transformação para o dia das mães. Eu achei incrível poder presentear a pessoa que você mais ama com um dia de rainha (porque você é a princesa ;D). Já faz um tempinho, mas o CP achou legal trazer essa transformação para você.

Essa é a Antônia, sua filha Amanda ganhou a promo "minha mãe é um luxo". Depois de um corte e uma mudança radical na cor, pudemos ver uma diferença grande. O que rejuvenece não é ser loira, mas sim ter um cabelo com brilho e bem cuidado.

O que vocês acharam?

Xerim!

23 junho 2015

Ilustração: 5 Canais do YouTube para Aprender a Desenhar

Quando fiz o passo-a-passo sobre como desenhar um rosto de croqui (veja aqui), muita gente me perguntou quais canais do Youtube eu usava para aprender a desenhar, por isso, resolvi compartilhar com vocês os meus preferidos. Aqueles que eu assisto com caneta e papel do lado e funciona. Para você que tem vontade e anda meio desacreditado, eu aconselho: TENTE! Só tentando e praticando conseguimos algo com o desenho, não há vergonha nenhuma em desenhar com base em um esqueleto, ou em usar régua. O CP listou:

1. FSKETCHER

Um canal dedicado aos aspirantes a design de moda. Gosto bastante porque ele trata os vídeos como lições e com didática. No começo do vídeo lista os materiais e depois vai mostrando em um passo-a-passo bem explicado, óbvio que são vídeos rápidos, mas você vai pausar e seguir as instruções na sua velocidade de desenho. Sem pressa, tire uma hora do seu dia e pratique. Apesar do canal ser em inglês a linguagem técnica é bem fácil e ela anota tudo do lado da folha, então da para ter uma boa noção das medidas.

Veja o site

2. Desenhando Com Magno Brasil

O Canal não anda muito atualizado, mas tem milhares de vídeos didáticos. Bom para meninos e meninas, ensina a desenhar diversas formas e possui um traço mais voltado para o estilo cartoon. Da várias dicas de proporção e técnicas que servem para qualquer estilo.

3. Victor Carvalho

Ele ensina a fazer detalhes femininos e masculinos, animais, objetos e cenários. Super dicas para quem gostar de desenhar com perspectiva. O canal tem atividade atualmente e muitos vídeos e didáticos para aprender.

Veja o site do ilustrador

4. ABRA - Escola de Arte

Uma escola de artes de São Paulo. Conta com professores e aulas didáticas para aprender diferentes tipos de desenho. Muitos modelos são ótimo para quem gosta do acabamento em grafite mesmo.

5. Solange Maldonado

Eu adorei a didática dela para desenho de moda, a explicação sobre proporções e as diferenciações sobre o que é ilustração e o que é croqui. Os vídeos são maiores, porém mais explicadinhos e com lições e atividades para cumprir. Ótimo ter metas para praticar (me incomoda um pouco o "pra mim fazer", na hora da explicação, única reclamação).

Considerem muito importante aprender através de vários estilos e perspectivas. Para que aí, você possa definir o seu próprio estilo. Estou em fase de definição do meu, já defini um estilo, mas os traços de croqui feminino estão em adaptação.

Vocês gostaram mais de qual? Já conheciam algum? Gostam de algum que eu não listei?

Me contem!

Xerim!

21 junho 2015

Cabelo - 3 Penteados para o Inverno

Oi gente. O CP fechou uma parceria novaaaa!!! E a gente foi lá no Salão Belarus para testar alguns modelos de penteados simples para usar no inverno. Para quem tem mais habilidade pode tentar em casa, mas para quem não indico ir lá no salão e  testar os modelos.

1. Trança Vitoriana

Essa coisa meio solta, meio presa é perfeita para o inverno né. Parece um pouco da moda medieval. Fora que o cabelo preso não vai soltar tanto frizz.

2. Penteado lateral


Um fácil, cara de despojado, mas que deixa qualquer look mais arrumadinho. Sem preocupações com o vento ou neblina.

3. Coque


Olha que modelo lindo. Perfeito para qualquer ocasião. Fora que não assanha né?!

Olhem o Making Off:
O salão fica no Partage Shopping.
Fotos por: Daniel Zumba.

E vocês gostaram?

Xerim!

19 junho 2015

Entrevista: Entrevista Ao Conexão

Eu sei que já passou o dia dos namorados, mas para quem não viu, quem sabe aproveita em outra ocasião.


Gostou?

Xerim!

18 junho 2015

Tendência: 5 Retornos dos Anos 90 Para Usar

Pensando em como eu odeio essa moda de gargantilha choker, essa coisa dos anos 90 que muita gente usava para alongar o pescoço, mas que quase sempre achatava, tinha cheiro ruim, coçava demais e por muito tempo, deixou você com vergonha de se ver nas fotos de 15 anos atrás. Porém, entendo que é moda, sei que muita de vocês usam e gostam, entretanto hoje quero destacar outras tendências (que eu acho mais legais), que retornaram daquela época. O CP separou 5 tendências. #Odeiochoker #Amoanos90

1. All Jeans

Nos anos 90 era usado em peças inteiras, muitas vezes com patchworks (uma especie de retalhos). O jeans era destroyer demais ou com lavagem crua demais, os estilos não se misturavam.

Hoje não tem patchwork, mas tem destroyer. Pode misturar cores lavagens e estilos de jeans em diferentes peças, porém manter as peças em um tom de cor próximo é uma opção mais segura para a combinação.

2. Coturnos


Nos anos 90 eles se relacionavam a jovens, o que necessariamente os ligavam ao estilo college de forma indireta, porém de maneira mais direta eram relacionados aos góticos, punks e grunges.

Hoje são combinados com o estilo girlie ou roupas mais leves, vemos em cores e com estampas, mais feminilizados.

3. Macacão

Nos anos 90 o modelo era mais folgado, com bolsos grandes e muitas vezes, com adereços como lenços, cintos, botons... Combinados com croppeds ou camisas.

Hoje ele é mais ajustado, sem ou com bolsos menores. Jardineiras também estão em alta. Qualquer blusinha pode, principalmente t-shirts.

4. Tie-dye


Nos anos 90 eram multicoloridos nas em t-shirts. Geralmente quem usava eram os clubbers e o combinava com mais outras peças coloridas.

Hoje mudou muito, ganhou ares marmorizado, feitos com duas a três cores. Combinado com peças mais sóbrias e usado em vários tipos de tecido e modelos.

5. Camisa Xadrez

Nos anos 90 eram completamente ligadas aos estilo grunge, que tem Kurt Cobain como percussor. Usadas por cima de blusas ou amarradas na cintura, combinadas com jeans destroyer, camisas de banda e coturno ou tênis. Quase sempre com aspecto podrinho para quem usava.

Hoje continua bem parecido, a diferença que vejo são as influências boho e a combinação com acessórios mais sofisticados, ou seja um hi-lo de leve né.

Me diga seu pitaco, qual a que você gosta mais?

Xerim!

16 junho 2015

Decor: 4 Artigos Para Deixar Sua Casa Com Cara de Inverno

Oi gente, vocês já estão reparando no clima chuvoso, mais friosinho? Para quem ainda não percebeu, o inverno está chegando e possui data inicial marcada para o dia 21 de Junho. Ô mês badalado esse, hein?! É dia dos namorados, são joão, inverno... Hoje o CP separou para vocês algumas dicas de como decorar a casa e deixá-la com cara de inverno, mesmo que na sua região não faça tanto frio assim.

1. Xales e Mantas

No Frio: As mantas são um charme. Deixá-las dobradinhas na sala ou no quarto além de chic é super prático nos dias frios. Sentiu frio? Se enrola na manta que já está ao seu lado.

Nem tanto: As mantas continuam sendo lindas, principalmente se você tem uma queda por decorações rústicas. Ficam lindas na casa de praia ou na fazenda e até na varanda de casa ou do apê. No quarto você pode deixar dobrada e estendida em cima da cama, as coloridas ajudam a dar um toque na decor do quarto.

Onde comprar?

1. Etna - R$29,99
2. Westwing R$84,90
3. Tok&Stok R$89,90
4. Casas Bahia R$64,10

2. Panela de Fondue

No Frio: Já deixa de enfeite na mesinha de centro, ou em um cantinho da cozinha, para deixar prático e bonito. No dia do frio é só preparar a delícia quentinha.

Nem tanto: Sim, é uma delícia e você não precisa estar no frio para comer. Acompanhe de um bom vinho e aproveite os fins de semana entre amigos. Menores de 18, vale sucos e refris geladinhos para contrapor o calor. Deixe a panelinha exposta em um canto da cozinha, muitas são coloridas e bonitinhas de se ver.

Onde comprar?

1. Tok & Stok - R$259,90
2. Casas Bahia - R$85,20
3. Etna - R$29,99
4. Via Inox - R$204,67

3. Canecas

No Frio: Tempo frio bebida quente. Eu tenho uma verdadeira paixão por xícaras e conjuntos de chá, que podem ser estendidas para as canecas também. Lindas, as canecas podem enfeitar sua cozinha e deixar você mais alegre quando fizer aquele chá em um dia frio.

Nem tanto: Com um pouco de imaginação canecas podem estar enfeitando sua cozinha, quarto, varanda ou até escritório. Além de funcionar para beber líquidos quentes ou frios, pode servir de vazinho, de porta-lápis, em uma prateleira como coleção...


Onde comprar?


1. Etna - R$7,99
2. Tok & Stok - R$24,50
3. Uatt - R$39,90
4. Westwing - R$44,90

4. Velas

No Frio: Óbvio, que elas esquentam o ambiente e ainda tem algumas com cheirinhos e porta-velas e castiçais lindos para ornar.

Nem tanto: Já disse que elas podem ser lindas e estilosas, fora que não precisa ascender pode deixá-las lá apenas para enfeitar.


Onde comprar?

1. Tok & Stok - R$55,90
2. Casas Bahia - R$19,90
3. Etna - R$29,99
4. Westwing - R$24,90

Gostam de alguns desses itens? Querem algum para o inverno?

Quero saber o seu pitaco hein?!

Xerim!

15 junho 2015

Inspirações: 4 Mídias Sociais de Moda Que Valem a Pena Ter

Oi gente, vocês gostaram da semana especial do dia dos namorados? Agora vamos voltar a rotina normal de 3 posts por semana. Como sou pós graduada na área de mídias sociais e comunicação, sempre estou debatendo sobre o uso das redes pelas gerações, seus fins e comparando-as no meu dia-a-dia. Uma das coisas que adoro são as redes sociais voltadas especificamente ao universo da moda. Hoje separei as que eu mais uso.

1. LookBook

Acredito que há alguns anos ela (a mídia social) era mais forte, na época do boom dos blogs de moda e looks do dia, cerca de 4 anos atrás. A rede se dedica a promover fotos de looks do dia e revelou muita das blogueiras famosas hoje em dia como: Flávia Desgranges, Le Happy, Adam Gallagher, Chiara Ferragni, Bruna Vieira e até Sophia Abrahão. As fotos são muiiito elaboradas, com cara de editorial de verdade, se você não quiser postar, vale a pena as inspirações, tem para todos os estilos.

O App: É ótimo, bem dinâmico e me lembra um pouco ao Pinterest. Da para postar os looks por ele e interagir.

Veja o site.

2. Fashionlista

Ele exibe fotos de looks e as peças individuais que estão nas imagens. Um Pinterest de roupas, tem um botão que trás a imagem de um site para um álbum do seu perfil, e na foto tem o link para o site original, geralmente onde vende a peça. Da para separar por categoria, seguir pessoas, montar looks... Sabe quando você precisa fazer aquela montagem de peças sobre uma tendência? Nesse site você acha tudo, inclusive tendências internacionais que não vemos por aqui.

O App: Mai legal e mais simplificado, só não da para pesquisar por algo específico, ou seja sem ferramenta de busca.


3. We Heart It

Um Tumblr alternativo. Não é uma rede de moda, mas tem tantas coisas sobre o assunto, tantas imagens fofas, que acaba sendo uma ótima fonte para pesquisa de imagens e interação com outros com mesmos interesses. Lembra um pouco a dinâmica do Instagram também, incentiva o "envio de cartões", você pode pegar a imagem que gosta e escrever uma frase em cima ou criar álbuns.

O App: Melhor para interagir com os outros usuários e fazer cartões.

Veja o site.

4. Polyvore

O caminho das pedras. Esse site vende roupas, faz montagens, cria relação com outros usuários, da para se inspirar em beleza e decor também, leva ao site de origem da peça... Possui muitas imagens disponíveis para compor uma montagem, é tão prático que dá pra substituir o photoshop algumas vezes, eu uso direto para o blog. Pode servir como um passa-tempo, apenas.

O App: muito mais prático para fazer as montagens, porém um é bem diferente do site.

Veja o site.

Você já usa algum desses?

Xerim!

11 junho 2015

Dia Dos Namorados: 1 Amor

Hoje vou contar um pouco da história da minha vida. Que na minha opinião sempre foi uma comédia e hoje é uma comédia romântica.



Era uma vez uma garota de 10 anos que decidiu que nunca iria casar. Quando ela completou 13 anos e algum tempo depois deu seu primeiro beijo, um evento que era para ser mais um, deu um rolo tão grande, que fez a menina desistir de namorar e criou a regra dos 5, nunca ficava mais do que 5 vezes com um mesmo garoto. Aí você pergunta: "mas ela não era falada, cocota?". Não, porque ela sempre achou que tinha que se valorizar sempre se divertiu e nunca achou que ficar com um cara deveria ser prioridade da noite. A garota tinha ótimas histórias das farras com amigas e quando o drama do amor se aproximava da sua vida, ela fugia. Estava lá sempre para dar conselhos, prevendo todas as desilusões amorosas dos outros, que sempre pagavam para ver e sofriam de consequência. 

Por muito tempo, eu fugi (voltando a primeira pessoa, já que todos sabem que ela sou eu) dos relacionamentos, porém com 17 anos decidi que quebraria a regra dos 5 e que precisava passar por essa experiência de namoro, afinal todas as amigas já viveram essa experiência e rolava uma certa pressão. Seria o meu próximo passo, com nível de pouco apego, obviamente. O primeiro cara que surgiu parecendo estar disposto a ideia do namoro, era cilada. Na verdade ele não estava disposto, na verdade era um cara mais velho tão imaturo que não conseguia arranjar garotas da sua idade e ficava enganando as novinhas. Eu tinha uma noção, de tudo aquilo, mas eu queria poder dizer que tinha passado por aquela experiência de ter um namorado e rolou umas 3 semanas. De jeito nenhum foi namoro, o cara era uma escolinha de safadagem e eu também não acreditava naquilo como relacionamento, fiquei até com outros cara e soube que ele ficou com outras (inclusive engravidou uma no período), apesar de que em alguns momentos eu forcei a barra para parecer namoro ou para me sentir em um

Essa parte da história é essencial para que vocês saibam, que foi a partir dela o meu desapego. Pensei "eu não posso controlar o mundo, vou deixar fluir, quebrar as regras e se for para sofrer é melhor que eu sofra de amor do que por pensar demais". Foi ai começou tudo, a história dos meus relacionamentos e comecei a ficar com um outro cara, de fato dessa vez, que vou chamar de A. (de cara um), logo depois a namorar firme: viajamos juntos; ele conheceu minha casa e minha família, eu conheci a casa e família dele; íamos a festas juntos; saímos em grupos de amigos. Ele era um cara prestativo, conquistou logo uma parte da minha família, porém era um pouco grosso, tinha medo de se sentir dominado, de entregar o coração, nunca dizia o quanto gostava de mim, bebia muito. Nós eramos muito cabeças duras, brigávamos, xingávamos e rolou barraco algumas vezes. Com tudo isso resolvi acabar, foi muito triste, depois de 9 meses eu me apaixonei sem perceber. Não ficava chorando em casa, mas sentia uma saudade que apertava no fundo e eu ligava de vez em quando ainda para saber como andavam as coisas. Ele não quis voltar.

Passei 3 meses solteira, achei mais um pretendente, que  não precisava fazer muito para me conquistar, eu já prestava atenção em B. há algum tempo. Esse era mais divertido, um pouco mais cabeça fria, não se estressava tanto; apesar de ter tido um trauma antigo, se esforçava para demonstrar que gostava de mim. Eu era mais tranquila nesse relacionamento, passei a ser um pouco mais ciumenta, mas sem alarde e loucura, até mesmo porque ele me incluía bastante, B. também era um pouco mais ciumento. Depois de 2 anos juntos, ele foi me perdendo. Começou a dar muito valor aos amigos, a mentir, começou a beber mais e ainda não fazia eu me sentir amada. Decidi terminar, mas com B. não quis mais conversa, tinha um carinho por ele de fato, queria que fosse feliz, contudo estava decida a não participar mais desse tipo de relacionamento.

Passei mais 3 meses solteira (o período padrão), foi então que apareceu um cara que fez de tudo para me conquistar. Apesar das declarações de amor desse C, tão diferente de todos os que eu já havia me envolvido, eu fui relutante. Quis aproveitar a vida, ser solteira, conhecer gente nova, lugares novos... me amarrar não era o plano. O rapaz começou a se tornar presente cada vez mais e eu resolvi dar a chance, começar a retribuir. A personalidade era bem sentimental, romântico, carinhoso, não bebia. Minha mãe amava ele! Passamos por muitos momentos difíceis, mas ele é extremamente paciente, me apoia em tudo no mundo que eu decidir fazer. O único que me acha linda de manhã com cara de sono, que gosta quando eu canto, que me diverte, meu maior amor e meu melhor amigo. Já são 3 anos.

Aquela menina de 10 anos, jamais imaginou que seria tão feliz ao lado de alguém, que pensaria em uma vida a dois e em construir uma família.

A., B. e C. me concederam experiências maravilhosas, me fizeram experimentar sentimentos nunca imaginados, mesmo todos eles sendo a mesma pessoa, mas foram experiências tão distintas, que eu sinto no fundo como se fossem 3 relacionamentos diferentes, que de fato foram. Nós passamos juntos muitos anos e por muitas coisas, mudamos na forma de nos comportar, de ver a vida e de amar. Houve tempos de paixão, de acomodação e de dúvidas no nosso relacionamento, porém hoje digo-lhe seguramente que hoje só existe amor. Não de falar por falar, não apenas de fazer declarações nas redes sociais (porque não costumamos fazer), mas por sabermos que existe um sentimento, vontade de partilhar uma vida. Já passamos da paixão, nos livramos da acomodação e hoje não há dúvidas, apenas a certeza de um sentimento puro.

*Que fique claro antes dos caras A, B e C, eram outros de fato, só a partir daí que começa o meu primeiro namorado.

E você já achou o seu?

Xerim!

10 junho 2015

Dia dos Namorados: 4 Coisas Que Seu Namorado Não Vai Gostar

A pauta não é mais sobre como agradar nos presentes. Agora é saber como agradar no que vai usar, nos detalhes que fazem muita diferença.

1- Gloss ou Batom Cremoso

Gente se tem algo que os caras não gostam na hora do beijo é o grude da beleza. Que cá para nós, só serve para as que vão ficar estáticas, apenas bebendo no canudinho, sem comer e sem beijar. Por que borra, mela e prega tudo. Já tenho raiva quando o cabelo prega na boca e na hora de tirar mela tudo. Esquece amiga, os anos 90 já eram.

O que fazer? Opte pelos mates, os 24 horas ou balms.

2- Finalizadores

Com todo romance, ele vai alisando seu rosto passando a mão nos seus cabelos e... crack... engancha tudo. É mão no cabelo ou cabelo na mão.... Evite usar, pelo menos no dia: gel, laque, soluções de água salina, ou tudo que possa enrijecer muito os fios. Quebra o clima.

O que fazer? Aposte na chapinha, escova, cabelos naturais, penteados despojados sem laque... Ainda tem os que reclamam da chapinha, mas aí é frescura demais né?!

3- Meia-Calça

Que lindas pernas de longe, mas não pode tocar. Se você já tem intimidade com o boy fica complicado. Além de perceber no toque e é mais difícil de tirar... rsrsrsrsrs... partindo do ponto que vocês possuem planos intimamente românticos.

O que fazer? Não usar, simples! Manchas esconde com maquiagem ou produtos especiais para as pernas.

4. Cremes, Glitters, Auto-bronzeadores

Acho que até pode passar, só não dá para se besuntar toda. No caso do glitter veja se ele não solta fácil e num abraço o amor vai ficar todo brilhoso.

O que fazer? Usar pouco, ou não usar.

Os dois primeiros erros eu já cometi. Meu namorado amaaa, o meu batom 24h, diz que foi a melhor invenção do mundo. E vocês já erraram?

Xerim!

09 junho 2015

Dia dos Namorados: 2 Produtos de Beleza que Todas Querem

Quem não gosta de se sentir linda, cheirosa? Eu adoro, produtos de beleza são coisas que costumamos comprar e escolher sozinhas, mas nada impede de ficarmos mortinhas quando ganhamos algo do tipo, principalmente se é aquele produto mara, daquela marca bapho que você deseja a tempos. Então, chama o boy e pede para ele prestar atenção.

1. Shampoo e Condicionador Senciensce

Senscience Liquid Luxury é uma linha para cuidados com os cabelos dos laboratório Shesaido, desenvolvidos para melhorar a estrutura e a química dos seus cabelos. Possui várias especialidades, ou seja, você pode ter aquele que se adeque mais ao seu tipo de cabelo.

2. Perfume Pink Corner

O perfume feminino da Everlast, inclusive o primeiro da marca. Ele tem um cheirinho um pouco floral e frutado ao mesmo tempo, da para agradar a todos os gostos e ainda conta com essência francesa. Para ficar cheirosa o tempo inteiro.

E para TUDOOO!!!!!




Tem um kit com esses dois produtinhos à venda pertinho de você. Diz ao amor que tem lá no Salão Belarus, no Partagi Shopping Mossoró, por apenas 3x de R$79,00.

Outra opção para os garotos é dar um vale presente para a namorada gastar no salão. Já pensou?

*.*

E você já está desejando?

Xerim!


Dia dos Namorados: 4 Dicas Para Presentear o Rolo Sem Pagar Mico

Nem ata e nem desata? Você não sabe qual o nível do seu relacionamento, se é rolo/fixante apenas ou já evolui para um namoro? No meu primeiro ano de namoro (há 878 mil anos atrás) perguntei: "e ai, como vai ser?", mas era algo firme já nessa época, já sabia que era namoro, mesmo assim quis combinar... imagina se você não sabe qual é a do cara. O medo de fazer a boba apaixonada e dar algo meloso ou grandioso demais. Por outro lado, se o cara lembra e você não, pode chatear o boy e perder a oportunidade de uma coisa mais séria. "E agora Karlinha, o que fazer?"

Ontem, em conjunto com minha amiga Bruna Pontes, responsável pelo De Pontes Cerimonial, debatemos algumas soluções e hoje o CP ajudará você que vive nesta dúvida cruel.

1. Chocolates

A menos que seu rolo seja uma daquelas pessoas loucas que não gostem de chocolate (sempre existe uma alfarroba para substituir), com certeza vai agradar, sem exagero. Não estou falando de uma cesta de chocolates gente, pode ser uma barrinha, ou até uma caixinha.

Por que dar? - Algo simples, talvez até com motivo de dia dos namorados, mas que não passa de uma lembrancinha. Tipo da coisa: "olha estava passando por uma loja de doces e lembrei de você", sem exagero mais com agrado. E se ele não gostar de chocolates, sempre existe algo comestível e delicado para agradar. Segunda Bruna: "não vai deixá-lo sem graça, caso ele não tenha pensado em nada para presenteá-la".

2. Uma noite de Drinks (Para maiores de 18)

A ideia é você convidá-lo para ir a sua casa tomar um vinho (no caso dar a própria garrafa de vinho pode ser uma boa), ou preparar alguns drinks para ele e mostrar suas habilidades de bargirl. Não quer louça suja, surgira um barzinho nesta sexta e a brincadeira de provar novas bebidas. Para os não alcoólicos pode ser sucos, cervejas sem álcool e até sabores de sorvete.

Por que fazer? - Um jantar pode ser algo muito íntimo, pode soar pretensioso e romântico. No caso da proposta ser os drinks, ou ida em um bar torna o encontro mais casual, mas ainda sim você se divertiriam juntos. Porém Bruna alerta: "tem que convidá-lo previamente, para não correr o risco dele não aparecer".

3. Ingressos

Transforme a sexta em um dia de encontro a dois sem parecer planejado. Procure saber o que vai ter na sua cidade neste dia, algo que ele tenha comentado que gostaria de ir como: um show de uma banda que ele gosta, show de humor, peça de teatro, filme no cinema, jogo de futebol, festival...

Por que dar? - Uma oportunidade de passar o dia juntos. Se ele der algum presente, você também deu, se não é apenas um programa que você gostaria de fazer com ele. Bruna diz: "algo que possa virar um programa a dois é sempre uma boa pedida".


4. Assinatura do Netflix


Caso você já tenha pode ser a senha do seu (se acabar muda). A grande questão não é prender o gato dentro de casa e sim, oferecer mais oportunidades de ficarem juntinhos assistindo um filme, neste dia e depois.

Por que dar? -  Mostra um carinho, uma vontade de estar pertinho sem exagero né?! E como Bruna coloca: "fideliza o cineminha a dois".

E você está nessa situação?

Xerim!

08 junho 2015

Dia Dos Namorados: 4 Ideias Para Dar Um Presente Especial

Vamos acabar com os clichês de camisas, sapatos, eletrônicos... Claro, que esses presentes possuem seu valor, mas que tal dar algo especial? Algo que lembre a vocês o amor e o motivo de estarem juntos? Já que é esse o objetivo do dia, não é mesmo?! Mais uma vez o CP separou super dicas para vocês.

1. Café da Manhã

Se você está pensando em uma cesta de café da manhã enviada por um entregador, pensou errado (até porque, isso é coisa de dia das mães dos anos 90). Mesmo que a sua intensão continue sendo dar um presentinho a surpresa matinal pode tornar um momento mais agradável. Você pode planejar um dia anterior, guardar as coisas na sua casa ou na dele e preparar aquele café da manhã na cama para o amado. Tem que acordar cedinho hein?!

2. Desenho Dos Apaixonados

O último em preto e branco foi o meu presente.
Uma vez eu dei ao meu namorado de presente de aniversário um desenho nosso, que fiz a partir de uma foto. Ele adorou, até peguei ele dizendo aos amigos que foi o melhor presente que eu já dei a ele (*.*). Se você tem essa habilidade pode ser uma ideia super original, ponha num porta-retrato ou em uma moldura. Caso não saiba, pode pedir a algum profissional.

3. Viagem Romântica

Pode ser até para uma cidade pertinho, em um bom hotel ou pousada, para não ter dor de cabeça de planejar tudo em cima da hora. O que vale são os programas de casal no final de semana e tentar esquecer os problemas e só viver de romance. Não deu tempo de planejar? Que tal um vale com uma viagem mais planejada para a próxima folga do casal?

4. Scrabook do Casal

Uma coisa fofa e que está na moda. O Scrapbook é uma ótima opção artesanal para juntar as fotos do casal. Mais um da série: "para quem leva jeito fazer sozinha", se não, compra pronto. Uma lembrança para guardar sempre com os melhores momentos dos apaixonadinhos.

E vocês vão fazer o quê?

Xerim!


02 junho 2015

São João: 5 Motivos Para Amar o Mês de Junho

Tem gente que não gosta muito do mês São João, eu me acostumei a amar, até porque 24 de junho também é o dia do meu aniversário, mas não é só por isso... Juro! E vou provar e exemplificar porque esse é o melhor mês do ano.

1. Feriados e Datas Comemorativas

Gente dia 4 já é feriado, em muitos lugares os feriados municipais caem nesse mês também. Porém, o melhor mesmo é a enorme quantidade pretextos comemorativos para festejar. Após o feriado de Corpus Christ, já tem dia dos namorados chegando, uma das datas mais esperadas do ano, por muitos. Dia de São João e muitas quadrilhas para ir, motivo para se fantasiar e tudo o mais. Na minha região as pessoas costumam comemorar o dia 29, dia de São Pedro, ascendendo uma fogueira na porta de casa com família e vizinhos se reunindo, assando milho na calçada, soltando fogos e tudo o mais.

2. Quadrilhas Juninas

Oportunidade de se entrosar com alguma turma, seja do colégio, da faculdade, do trabalho. Um pretexto para fazer uma festinha. O melhor de tudo, se você não conhece as pessoas bem, a quadrilha é uma ótima opção, já que durante a dança os pares são trocados, você tem oportunidade de se aproximar e conversar com pessoas novas, para quem quer paquerar é ótimo, fora que é super divertido.

3. Comidas Juninas

Quem ama milho se esbalda. Confesso que não gosto muito de canjica e pamonha, mas adoro munguzá, milho cozido, assado, cuzcuz, bolo de milho. Fora a pipoca, tapioca, pé de moleque, cocada, bolo de tapioca, paçoca... hmmmmm... Só delícia, engordo mais nessa época que em fim de ano.

4. Festa Todo Dia

A minha cidade entra mesmo no clima. Outro dia fui a feira e tinha trio sanfoneiro tocando lá ao vivo. Fora, que montam toda uma estrutura, tem festa de graça na rua. Mas nem só de sertanejo e forró vive a cidade, a gente acaba ganhando uma opção de curtir um espaço alternativo com outros sons. Tem bastante gente no meio da rua circulando tirando foto... A programação dos festejos juninos não chega a ser todos os dias, mas com certeza ganhamos mais opções.

5. Moda Junina

Nas festas temáticas de junho, você ganha uma liberdade a mais para se fantasiar, ir toda no estilo caipira, fazer trancinha, vestido estampado e make caipira... ou acrescentar itens discretos, mas que podem chamar mais atenção como: camisa xadrez, suspensório, tiara de flores, roupa inteira floral, usar trança, chapéu de palha... e por ai vai caindo na temática.

E vocês do que mais gostam?

Xerim!
Postagens mais recentes Postagens mais antigas Página inicial